Voz dos Alienados 3

bozoO bom de discutir com crente é quando eles falam besteiras e você mostra as besteiras, ressaltando cada ponto idiota de suas postagens tão profundas quanto um pires. Isso somado aos ridículos que tentam te refutar de maneira tão tola, que falam qualquer merda, pensando que estão pronunciando palavras de sabedoria inigualável. Resultado: Mais besteiras ainda. Corolário: Você vai expor mais ainda o babaca, ele vai ficar irritadinho, vem mais merda e assim sucessivamente. Isso tudo somado a palavras vazias, tolas e muita pregação idiota.

A Voz dos Alienados hoje vem em forma de pacotão. Peguem suas pipoquinhas e se acomodem para mais um perfeito exemplo das sandices crentais.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

O cimento revela seus segredos

pedreiroPresente tanto em casas de ricos quanto nas de pobres, em muros de casas e de presídios, em hospitais e quartéis. Não saberíamos, hoje, realizar nenhuma construção sem o auxílio dele, o cimento. Na Grécia e Roma antigas, as construções eram feitas com pedras (em geral mármore, mas que dependia da edificação em questão) unidas por argamassa, consistindo em cal extinta – hidróxido de cálcio, Ca(OH)2 – misturado com areia e água, formando uma massa espessa. Exposta ao ar, essa mistura vai perdendo a água e solidifica-se ao absorver o CO2 da atmosfera formando carbonato de cálcio (CaCO3). Contudo, este processo é muito lento. Só para se ter uma idéia, alguns edifícios romanos de mais de 2000 anos possuem núcleos de cal extinta que não tinha reagido ainda no interior da argamassa. Que coisa, não? Aços e outros materiais empregados na construção possuem vasta documentação sobre suas composições e arranjos em níveis moleculares; mas o mesmo não acontece com o cimento… até agora.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Ratos loiros são mais uma prova do processo evolutivo

peromyscus_maniculatusÉ uma pena que algumas coisas não existem. A Evolução é um bom exemplo, pois ela é totalmente inexistente e não há nenhuma prova que ocorra, mediante os critérios da Seleção Natural. O problema é que esqueceram de avisar isso ao mundo natural e aos pesquisadores de Harvard, já que estes últimos descobriram um rato veadeiro (Peromyscus maniculatus) que chamou a atenção de cientistas. Dessa vez, ativistas não precisarão ficar horrorizados; não maltrataram o bichinho. Simplesmente, descobriram uma mutação que ocorreu de forma natural, propiciando uma vantagem adaptativa, graças à melhor camuflagem que os pelos lhes conferiram, e foi rapidamente transmitida às gerações seguintes. Mas isso é engôdo dos servos de Satã, nada disso existe e, cá pra nós, este ratinho avermelhado tem aparência um tanto demoníaca.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Luz cinérea dá pistas sobre habitabilidade de exoplanetas

luz_cinereaÀ medida que a caçada por planetas semelhantes à Terra se intensifica ao redor de outras estrelas, alguns pesquisadores já investigam como verificar a habitabilidade desses planetas quando forem encontrados, ou seja, não basta encontrar um planeta, é precisa de meios para se determinar se eles são habitados ou não. Daí em diante, é necessário saber se são habitados por seres inteligentes.

Um grupo de cientistas americanos e australianos relatou uma forma bem-sucedida para confirmar a presença de água nos chamados planetas extrassolares, também chamados de exoplanetas (exo = fora; isto é, planetas fora de nossos sistema solar). Pesquisadores testaram suas técnicas no único planeta conhecido, semelhante ao nosso: a própria Terra.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Métodos agrícolas das primeiras civilizações podem ter alterado o clima global

queimadaNão é de hoje que seres humanos queimam florestas para poderem usar a terra, seja como pasto ou como área de cultivo, isso já acontecia há milhares de anos, e isso pode ter influenciado no clima do planeta, por ter aumentado a concentração de dióxido de carbono (CO2). Pesquisadores da Universidade da Virgínia e da Universidade de Maryland, EUA, afirmam que as 6 bilhões de pessoas de hoje usam cerca de 90% a menos de terra por pessoa para produção de alimento do que era usado por populações menores no início do desenvolvimento das civilizações. Essas primeiras sociedades provavelmente se basearam num processo de corte-queima para limpar grandes extensões de terras, afim de produzirem alimentos em níveis relativamente pequenos.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Céu com duas Luas? Marte e Lua juntos? BOATO!

trustmeÀs vezes, a vida e a realidade parecem ser sem graça. O Sol se ergue, se põe, vem a noite etc. (sim, eu SEI que não é o Sol que se ergue ou se põe). As pessoas têm necessidade de ver “algo mais”, possuem a ardente vontade de ver maravilhas. Não que isso seja errado, pelo contrário! Levarmos uma vida desinteressante, onde nada nos satisfaz, nada nos surpreende, nada nos é belo, acaba matando parte de nossa essência. O problema é quando inventam coisas para servir de algo lindo e magnânimo, de modo a nos maravilhar com as coisas ao nosso redor. Daí começam aqueles malditos spams, divulgando besteiras, erros e bizarrices em geral. Daí eu, um dos Sábios Senhores do Ceticismo, tenho que refutar as sandices, sendo taxado de feio, bobo e chato; como foi o caso de mais um spam que recebi hoje: a historinha do céu com DUAS Luas.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

População humana expandiu-se durante o Pleistoceno Tardio

hunter-gathererUma grande pergunta, e até agora não respondida, no decorrer da evolução humana é quando os humanos modernos começaram a se expandir pelo mundo. O crescimento demográfico estava associado com a invenção de determinadas tecnologias em particular? Ou as inovações comportamentais por caçadores-coletores no último Pleistoceno, com o início da agricultura durante o Neolítico?

Clique aqui para ler o restante deste artigo »