O impacto do álcool na adolescência

barney_simpsonsUma nova pesquisa realizada por cientistas da Universidade de Washington trouxe mais uma comprovação do que todo mundo já sabe – ou, pelo menos, deveria saber: excesso de álcool na adolescência acarreta em adultos idiotas. Bem, não necessariamente nessas palavras, mas o resultado foi bem claro ao afirmar que o abuso de bebidas alcoólicas na adolescência pode ter efeitos danosos no processo de tomada de decisão na vida adulta.

Para horror do Robson, a pesquisa foi realizada com ratos adolescentes; mesmo porque, ninguém quis servir de cobaia, como sempre. Até acredito que quiseram usar aqueles adolescentes imundos que perambulam perto de sarjetas, ao Deus dará, mas ainda temos certas normas de civilização e os ratos… bem, são ratos. Reproduzem rapidamente e crescem numa velocidade maior que seres humanos, demorando menos empo para termos resultados. Merda acontece, Robson.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Anúncios

Encontradas fibras tecidas há 30 mil anos

fibras_antigasAs mais antigas fibras usadas por humanos foram descobertas por um grupo internacional de cientistas na Geórgia, república do Cáucaso localizada na fronteira entre Europa e Ásia. As fibras, de linho (Linum usitatissimum), eram usadas há mais de 30 mil anos, como descreve artigo publicado na revista Science.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Cobra com uma pata é encontrada na China

cobraOlá, senhoras e senhores, essa é a semana da nojeira. Primeiro, vimos o parasita miserárver comedor de língua, o qual me dá calafrios só de lembrar da foto (Vejam! Vejam!). O Ariel Wollinger, como é um homem puro e temente a Deus 😉 , resolveu compartilhar o seu excelente gosto para notícias com a gente, trazendo a história da chinesa que encontrou com uma cobra. Não, não é nenhuma espécie de filme pornô. Acontece que a referida cobra tinha uma… perna! Corram para ver a notícia.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Máquina molecular mostra como não existe complexidade irredutível

mitocondriaO doce aroma de cafezinho quente está vindo até mim. O dia está ligeiramente frio, uma chuvinha cai e, melhor de tudo, posso ouvir daqui mais um grito de agonia de pobres criaturinhas criaBURRIcionistas em face da verdade. A verdade não está simplesmente lá fora, mas em todo lugar, atendendo pelo nome de (morram em perversa agonia, buaahahahaha) EVOLUÇÃO! (mais um pouco de risada macabra)

Uma equipe internacional de cientistas – incluindo os bioquímicos da Universidade Monash, na Austrália – descobriu provas em nível molecular de apoio a um dos princípios fundamentais da Teoria da Evolução. Por favor, sentem-se a saboreiem comigo o café.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Um beijo de língua de tirar o fôlego

jerseySempre tem alguém propalando que a Natureza é maravilhosa, e eu concordo! Nada tão lindo e maravilhoso quanto o mundo natural, onde vemos espécies co-existirem pacificamente (ou nem tanto), construindo uma biodiversidade fabulosa, com seus mistérios, segredos e um amplo espectro de novidades prontas para serem descobertas. Um belo exemplo acontece em Jersey, retratada na foto ao lado.

Sim, é lindamente fantástico quando vemos dois seres dividindo uma vida em comum, mas sobretudo onde a simbiose deles reflete como o mundo é perfeitinho. Quando duas dessas criaturas se juntam e mergulham fundo numa relação primorosa e perfeita, vemo-os o quanto a natureza é bela, ainda mais quando um deles oferece ao ouro um quente e delicioso beijo, daqueles de arrancar pedaço, conforme podemos ver a seguir.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

A conquista do Pólo Norte e os problemas de acreditar sem provas

polo_norteLi um artigo de John Tierney para o The New York Times em sua coluna Findings sobre a suposta conquista do Pólo Norte por Frederick A. Cook e Robert E. Peary. O artigo era intitulado “A Clash of Polar Frauds and Those Who Believe”, que em uma tradução séria seria vertido para “Um choque de fraudes polares e aqueles que acreditam”, onde o Terra teve a delicadeza de alterar para “Chegada ao Pólo Norte em 1909 foi maior fraude da Ciência“. Claro que não perderei meu tempo com tradutores e suas manchetes bombásticas, já que eles precisam chamar a atenção e, bem, sabemos como brasileiro adora mudar títulos e o cinema é uma prova maravilhosa disso.

O artigo versa sobre como os dois exploradores arrancaram uma grana de alguns patrocinadores – o The New York Times (vamos abreviar para NYT) era patrocinador de Robert Peary, e aposto que ainda deve guardar rancor até hoje – sem que tivessem realizado absolutamente nada. O artigo menciona que isso foi “uma grande fraude na ciência”, mas que a tradução retardada do Terra traduziu como “uma grande fraude da ciência”. Aliás, é um artigo interessante, ainda mais que ele exprime algo que nós, difusores do pensamento científico, tanto adoramos: provas e evidências. E foi justamente isso que os dois pseudo-exploradores não apresentaram.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

O cimento revela seus segredos

pedreiroPresente tanto em casas de ricos quanto nas de pobres, em muros de casas e de presídios, em hospitais e quartéis. Não saberíamos, hoje, realizar nenhuma construção sem o auxílio dele, o cimento. Na Grécia e Roma antigas, as construções eram feitas com pedras (em geral mármore, mas que dependia da edificação em questão) unidas por argamassa, consistindo em cal extinta – hidróxido de cálcio, Ca(OH)2 – misturado com areia e água, formando uma massa espessa. Exposta ao ar, essa mistura vai perdendo a água e solidifica-se ao absorver o CO2 da atmosfera formando carbonato de cálcio (CaCO3). Contudo, este processo é muito lento. Só para se ter uma idéia, alguns edifícios romanos de mais de 2000 anos possuem núcleos de cal extinta que não tinha reagido ainda no interior da argamassa. Que coisa, não? Aços e outros materiais empregados na construção possuem vasta documentação sobre suas composições e arranjos em níveis moleculares; mas o mesmo não acontece com o cimento… até agora.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »