Estado melhor é Estado sem cruz

Cruz no plenário legislativoÉ necessário responder com refutação a um artigo que, pregando que o Estado brasileiro ostentar cruzes cristãs é bom, tenta influenciar a opinião de quem o lê. Aqui explico, descrevendo as partes do texto respondido, por que essa ideia é para lá de equivocada.

Em primeiro lugar, me incluo entre as pessoas defensoras de que não existe “necessidade” nenhuma de impor a cruz, seja lá em que sentido, em organismos que servem a gentes de todas as religiões e também àquelas sem religião.

Em segundo, para rebater a informação trazida por cristã(o)s de que a cruz realmente teve uma contribuição importante pra o desenvolvimento histórico do Brasil, me é necessário afirmar que esta foi francamente negativa.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: