Ancestrais do homem moderno tinham cérebro minúsculo e usavam mais o olfato do que a visão

ignacius_graybullianusA conclusão, colocada como título desta matéria, é de um estudo feito por pesquisadores do Canadá e dos Estados Unidos, que modelaram em computador o cérebro de um primata que viveu há cerca de 54 milhões de anos. O modelo virtual foi montado a partir de um crânio fossilizado encontrado no Wyoming, nos Estados Unidos. A análise será publicada esta semana no site e em breve na edição impressa da revista Proceedings of the National Academy of Sciences.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: