Sonda Cassini estuda a atividade das nuvens da lua Titã

titanA monitoração contínua da atmosfera de Titã pela missão Cassini, que vem explorando o sistema saturniano desde Julho de 2004, está começando a revelar alterações sazonais na circulação atmosférica e desprendimento nova luz sobre a climatologia globais da maior lua de Saturno e a segunda maior de todo o sistema solar, depois de Ganimedes.

Em um estudo publicado na Nature, cientistas planetários examinaram mais de 10.000 imagens capturadas pelo espectrômetro de mapeamento de luz visível e infra-vermelho, a bordo da Cassini, realizadas entre julho de 2004 e dezembro de 2007. O estudo foi conduzido por uma equipe internacional liderada por Sebastien Rodriguez, da Universidade de Nantes, na França. Alguns eventos individuais, incluindo a chuva, tem sido relatados anteriormente, mas o novo relatório é a primeira vez em que a climatologia global de Titã foi examinada com o objetivo de identificar mudanças de estações na atmosfera de Titã. É o tipo de estudo, que é ativado pela vasta quantidade de dados observacionais que a nave espacial tem acumulado ao longo dos anos.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: