Descobertas proteínas conservadas em tecido de dinossauro

hadrossauroUma antiga proteína que remonta 80 milhões de anos, mais especificamente no período Cretáceo, foi preservada nos fragmentos ósseos e tecidos moles de um hadrossauro, de acordo com um estudo publicado na revista Science. Quando se fala em fragmentos ósseos e tecidos moles, significa que pedaços de pele e músculos foram também fossilizados junto com os ossos. Não significa, entretanto, que tais peças de tecido estavam moles, em termos de dureza, mas ambos rigidamente fossilizados.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: