Americanos exageram no uso abusivo de papel higiênico

papel_higienico_dolarO hábito norte-americano de usar papel higiênico macio – podemos defini-lo como “o efeito Charmin” – não escapou à atenção dos ambientalistas, que cada vez mais tornam os fabricantes de papel higiênico alvos de suas campanhas. O Greenpeace, na última segunda-feira, lançou seu primeiro guia nacional para consumidores norte-americanos que classifica as marcas de papel higiênico de acordo com seu desempenho ambiental.

Com a recessão derrubando o preço do papel reciclado e os norte-americanos demonstrando mais disposição de reaproveitar tudo, de roupas a pneus, os grupos ambientais querem que as pessoas adotem o papel higiênico reciclado.

Clique aqui para ler o restante deste artigo »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: