Mulher apedrejada por adultério era menina estuprada

Mais uma vez, os Camelinhos de Alá demonstram a sociedade tosca, ridícula, imbecil e débil mental que eles criaram. Uma menina de 13 anos foi apedrejada até a morte por adultério na Somália. Isso é revoltante o suficiente? Não? E que tal se disséssemos que este “adultério” foi devido ao fato dela ter sido estuprada por três homens? Ficou revoltante o suficiente?

Segundo a organização de defesa dos direitos humanos Anistia Internacional, Aisha Ibrahim Duhulow foi morta no dia 27 de outubro por um grupo de 50 homens em um estádio na cidade portuária de Kismayo, no sul do país, diante de mil espectadores psicóticos. A menina foi acusada de violar leis islâmicas e detida pela milícia al-Shabab, que controla a cidade.

Read more »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: