Como me tornei atéia

Por Fabiane Lima

Todos, inclusive religiosos, hão de concordar comigo que arrebentar um boeing cheio de passageiros num prédio, torturar pessoas em nome de deus de formas tão criativas que só o diabo poderia imaginar, e ser egoista a ponto de achar que só o seu povo é especial são ações extremamente insanas, para dizer pouco. Mas por pior que sejam, pessoalmente não acho que sejam realmente as piores. Talvez venham logo depois da que considero pior na minha escala de “atos estúpidos cometidos em nome da religião”, mas nenhum desses atos infames se compara ao que a bíblia ensina em Provérbios 22:6: educar crianças em um sistema religioso, de tal modo que mesmo depois de adultas, não consigam se livrar da praga.

Read more »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: