Irã: Nove pessoas condenadas a morte por apedrejamento

O mundo islâmico continua o mesmo. A BBC Brasil nos traz mais uma pérola que os Camelinhos de Alá iranianos aprontaram. Lá, oito mulheres e um homem foram sentenciados à morte por apedrejamento. O motivo? Adultério e outras “condutas de natureza sexual” consideradas crime no país, segundo informações da advogada e ativista de direitos humanos iraniana Shadi Sadr. O que foram as ditas “condutas”, não ficou-se sabendo. De repente, transaram com uma cabra em que puseram a foto do Aiatolá Manda-Chuva. Tem tara para tudo nessa vida…

Segundo Sadr, “os vereditos foram aprovados e eles podem ser executados a qualquer momento”. Shadi Sadr faz parte da Rede de Advogados Voluntários, que representa as mulheres no caso (não, o cara não faz parte das intenções de Sadr).

Read more »

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: