Positivo rebate críticas e prevê laptop educacional a US$ 300

metasysclassmate1.png

Um mês após vencer 1ª etapa de licitação do Governo, Positivo rebate críticas sobre preço alto e antevê ClassMate a US$ 300.Quase um mês após vencer a primeira etapa da licitação de notebooks educacionais promovidas pelo Governo Federal, a Positivo Informática veio a público rebater acusações de que os portáteis estejam acima do preço de mercado.

Segundo comunicado enviado à imprensa, a comparação dos preços pagos pelos governos do Brasil e do Uruguai é injusta dada às diferenças nos próximos licitatórios de ambos.

“É preciso ter em mente os diversos fatores que compõem o produto final. Além do valor de US$ 100 não ser nem suficiente para produzir o hardware, não basta simplesmente fabricá-lo”, afirma a companhia, citando o projeto da One Laptop per Child, criado e liderado por Nicholas Negroponte.

“O laptop de 100 dólares não existe. É uma idéia inteligente do Negroponte, que incentivou o mercado a fazer notebooks educacionais, mas não existe”, afirma Hélio Rotenberg, presidente da Positivo Informática em entrevista ao IDG Now!.

Na primeira etapa da licitação, encerrada no dia 19 de dezembro, a Positivo Informática fez a menor proposta, avaliada em 98,18 milhões de reais para 150 mil laptops educacionais, o que implicará em cerca de 654 reais (350 dólares) por máquinas aos cofres públicos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: